sexta-feira, 14 de março de 2008

Gravatá ganha sete trilhas eqüestres


Importante centro turístico de Pernambuco, a cidade de Gravatá, que já conta com o clima ameno e com eventos como o Circuito do Frio, as festas de páscoa e junina, ganha agora mais uma atração de entretenimento para os visitantes. Nesta sexta-feira, a Federação de Agricultura do Estado de Pernambuco (Faepe) lança, em parceria com o Sebrae e a Secretaria de Turismo de Pernambuco, o projeto Trilhas Eqüestres de Gravatá.

A partir das 11h40, no Hotel Portal de Gravatá, o presidente da Faepe, Pio Guerra; o governador Eduardo Campos; o secretário estadual de Turismo, Sílvio Costa Filho, além do diretor-superintendente do Sebrae-PE, Murilo Guerra, estarão conhecendo o novo roteiro turístico do estado.

A idéia é valorizar o turismo rural na região Agreste, através do incentivo à prática da cavalgada, com o oferecimento de roteiros eqüestres bem estruturados e sinalizados que exploram a os atrativos naturais do local.
Na ocasião, será apresentado um mapa turístico com a indicação de todas as trilhas e informações gerais sobre o projeto, que será distribuído gratuitamente.

O roteiro terá sete opções de trilhas: Montanha, Serra da Limeira, Estrada Velha de Chã Grande, Vale do Caruá, Trilha da Caroatá, da Bela Vista e do Rio Ipojuca. Na Trilha da Montanha, o turista encontrará atributos como belas paisagens, facilidade de cavalgar, seja de dia ou à noite e com um trajeto de 6 km, um dos mais curtos. A duração do percurso é de uma hora e meia. Ela é ideal para os iniciantes na prática da cavalgadas. Uma ótima opção para aproveitar com a família e os amigos.

Na Trilha da Serra da Limeira, um mirante é uma das atrações, uma vista impressionante da beleza do lugar. A cavalgada nesta trilha é maior, 23 Km, com duas paradas de 15 minutos. A duração é de cinco horas.

A Trilha da Estrada Velha de Chã Grande apresenta aos desportistas eqüestres um longo trecho pelo Rio Ipojuca e uma bela vegetação nativa. Neste percurso, o cavaleiro tem a oportunidade de passar por haras e criatórios de cavalos de diferentes raças existentes na região. São três horas e meia de uma cavalgada de 17 Km.

Outra opção das Trilhas Eqüestres de Gravatá é a do Vale do Caruá, considerada uma das mais tranqüilas. O roteiro tem duração de uma hora e meia e 7 Km, curto, mas agradável. Na rota, passa-se por um grande açude, grande trecho de vegetação nativa, típica do Agreste e pela casa do artesão com esculturas de cavalos, uma das expressões de arte popular local.

A quinta opção é a Trilha do Caroatá, uma das mais sinuosa e irregular, com direito a precipícios e belas paisagens. São 18 Km com duração de cinco horas, com duas paradas de 15 minutos. Exige um certo esforço físico, mas é um trecho de grandes atrações, como a olaria mais antiga de Gravatá e o centro de manejo de ovinos e caprinos, considerado o mais moderno do Estado, além da estrada velha entre Gravatá e Bezerros, sede de fazendas tradicionais do lugar e frondosa vegetação de caatinga.

Na Trilha da Bela Vista, a cavalgada é realizada em duas horas com parada de 15 minutos para descanso. Já a Trilha do Rio Ipojuca, tem 20 Km e dura quatro horas com duas paradas de 15 minutos. Os dois percursos passam por belas paisagens, sedes de fazendas e pelo rio Ipojuca, com trecho em passagem molhada na trilha do rio.

Será o primeiro roteiro eqüestre com atividade turística de todo o Nordeste, uma conseqüência de Gravatá estar em primeiro lugar na região em concentração de haras, fazendas de criação e centros hípicos.

Além disso, a cidade distante 79 km da capital pernambucana, conta com uma rede hoteleira estruturada, roteiro gastronômico consolidado. O acesso de carro ao município de 513 km2 é feito pela BR-232, rodovia totalmente duplicada até a cidade.

Fonte: http://www.pernambuco.com/turismo/materias/2008/gravatatrilhas.shtml

Um comentário:

Rafaela disse...

Olá tudo bem? Trabalho aqui no Centro de Informações Turisticas de Gravatá. Estava procurando material turístico e achei seu blog. Gostei e resolvi deixar um post. Só uma coisa, a cidade fica aproximadamente 80 - 85 km da capital, mas isso ninguém sabe ao certo. E vc ja teve oportunidade de conhecer as trilhas? Abraço e sucesso!!!!!